DIORMAG | DIORMAG

15.06
novidades

Amamos Perfumes: Bois d’Argent

Despojado e extremamente contemporâneo, o rastro emblemático do Bois d’Argent reinterpreta a íris, trabalhada de maneira inusitada, ao mesmo tempo ambarada, almiscarada e amadeirada. Uma fragrância elegante e atemporal, adotada pelo chef e modelo Isaac Carew.

“Feminino ou masculino? Bois d’argent não escolhe:  é como uma camisa branca que pode ser usada por qualquer pessoa. Um refinado visual Dior acompanhado por uma fragrância icônica, à flor da pele. Este perfume tem a elegância de um absoluto de íris associado a almíscares sensuais, imersos em um misterioso incenso enfumaçado. Uma composição cheia de contrastes, que se desdobra entre florais nobres e uma tensa suavidade”, explica François Demachy, Perfumista-Criador exclusivo da Dior.

15.06
novidades

Amamos Perfumes: Isaac Carew

Fervoroso embaixador da Maison Christian Dior, o chef e modelo Isaac Carew mergulha em uma viagem olfativa, entre os aromas que o inspiram.

Verdadeira celebração da arte de viver segundo Dior, a Maison Christian Dior dá a palavra aos amantes do perfume. Entre eles, Isaac Carew cultiva uma relação singular com os aromas, gravados em sua memória como verdadeiras lembranças olfativas. Este chef entusiasta evoca o rastro do Bois d’Argent, sua fragrância favorita da coleção Maison Christian Dior, que o acompanha de dia e de noite.

15.06
novidades

Amamos Perfumes: Thé Cachemire

François Demachy, Perfumista-Criador exclusivo da Maison, encontrou-se com o ator Yusuke Iseya, fiel embaixador da Maison Christian Dior. Uma troca entre entusiastas, no rastro do Thé Cachemire, ao mesmo tempo delicado e intenso.

“Essa composição tem a suavidade preciosa de um pulôver em caxemira. Um chá branco de poderosa delicadeza, levemente defumado, introduz uma nota rosada associada a uma pitada de mate. Thé Cachemire tem o esplendor das flores brancas e o toque suave dos almíscares reconfortantes”, afirma François Demachy.

15.06
novidades

Amamos Perfumes: Yusuke Iseya

O ator Yusuke Iseya fala para a Maison Christian Dior sobre sua relação pessoal com o perfume, durante uma conversa íntima e sensorial.

Uma árvore constelada de frutas vermelhas, um templo imerso em vapores de incenso... O ator Yusuke Iseya conta sua história através dos aromas de sua infância e daqueles, contemporâneos, que aprecia atualmente.

Em suas confidências sobre a fragrância de seus sonhos e sua fidelidade ao perfume, ele revela os segredos de seu ritual matinal, marcado por notas florais de Thé Cachemire.

15.04
novidades

Gris Dior

Fragrância emblemática da Maison Christian Dior, o Gris Dior simboliza uma das cores apreciada, e frequentemente homenageada, pelo estilista-fundador.

“E se o cinza Dior fosse um perfume? “Este cinza marcante não é apenas uma combinação de preto e de branco, mas o resultado de uma mistura cromática. Essa profusão de cores me inspirou a criar uma composição combinando jasmim, bergamota e notas úmidas de vegetação rasteira. A cor se transforma aqui em perfume icônico. Vivo, seu rastro possui uma elegância refinada, facetada”, revela François Demachy, Perfumista-Criador exclusivo da Dior.